anoitecendo








No frio do dia
espreguiço-me
alongo-me
e peço que anoiteça
uma noite mais feliz
entre o sonho e a realidade
proponho uma trégua

Comentários

  1. Ei Lia,

    Eis que vai chegando a noite, o frio e a preguiça... Bem sacado esse momento. Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Andra: a preguiça traz inspirações mil!! abraços mil florzinha escritora.

    ResponderExcluir
  3. Oi Lia!
    Há uma insinuação de fim de luta e entrega, em seus versos!
    Inquietante! Os sonhos devem sobreviver...
    Abraços!
    vitornani.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

mesa posta

viagem incomum