saudade




Faço minhas tuas palavras
perdendo-me em tantas inverdades
Fomos mesmo passageiros e
como tais deveremos em algum ponto descer
deixando assim os lugares vazios                                    
nos corações dos que nos amaram.



Comentários

  1. *
    onde estão as escadas
    para poder atingir,
    as tuas palavras,
    quais os degraus,
    onde possa subir,
    e poder chegar,
    ao teu assumir !
    ,
    gostei das tuas,
    indecifráveis palavras,
    ,
    um mar de conchinhas,
    ficam,*

    ResponderExcluir
  2. Um grande abraço amigo poeta..bom ter vc no meu espaço de poesia...sempre.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

mesa posta

viagem incomum