fio condutor









Andou pelas ruas desconhecidas
e respirou ares nunca dantes respirados

Caminhou tantos passos aleatórios
que perdeu o fio condutor dos sentimentos

Comentários

  1. Sempre tão desejadas!
    pelas ruas desconhecidas
    nunca dantes utilizadas
    coisas belas escondidas.

    Perdeu o fio condutor,
    na noite escura adormecido
    triste chorou por amor
    nas pedras da calçada caído?

    Bom fim de semana desejo.
    para você amiga Lia, um abraço.
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  2. Grata pela carinhosa visita querido amigo Eduardo.Belo semana pra ti.abraçosss

    ResponderExcluir
  3. É de lamentar ter que,pela vida, caminhar às cegas... Gostei, Lia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita querido vendedor de ilusão.Bela semana pra ti

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

mesa posta

viagem incomum