agosto sem gosto






Não gosto do mês de agosto
do gosto sem gosto que ele deixa na boca
da chuva bem fria
do vento que arrasta
do mau agouro
do cachorro louco
e do desamor na paisagem
do tristonho amanhecer.

Comentários

  1. Quantas vezes eu me senti assim... E não era agosto. Lindo!

    ResponderExcluir
  2. ola , vi o seu comentário num outro blog e saí correndo para o seu blog, vendo seu magnifico espaço, adorei imenso, mas tenho um convite para fazer, se voce gostar de poesia venha visitar e dar a sua opinião aos meus poemas http://assombrado-mc.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Soninha: sensações...fazem sempr e parte de nós..ainda bem!!!bjins e obrigada pela visita querida.

    ResponderExcluir
  4. Adorei o seu espaço querida...o assombrado é bem interessante.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

mesa posta

viagem incomum